Volte ao SPIN
SPIN01 SPIN02 SPIN03 SPIN04 SPIN05 SPIN06 SPIN07
SPIN08 SPIN09 SPIN10 SPIN11 SPIN12 SPIN13 SPIN14
SPIN15 SPIN16 SPIN17 SPIN18 SPIN19 SPIN20 SPIN21
SPIN22 SPIN23 SPIN24 SPIN25 SPIN26 SPIN27 SPIN28
SPIN29 SPIN30 SPIN31 SPIN32 SPIN33 SPIN34 SPIN35
SPIN36 SPIN37 SPIN38 SPIN39 SPIN40 SPIN41 SPIN42
SPIN43 SPIN44 SPIN45 SPIN46 SPIN47 SPIN48 SPIN49
SPIN50 SPIN51 SPIN52 SPIN53 SPIN54 SPIN55 SPIN56
SPIN57 SPIN58 SPIN59 SPIN60 SPIN61 SPIN62 SPIN63

SPIN64 SPIN65 SPIN66 SPIN67 SPIN68 SPIN69 SPIN70
SPIN71 SPIN72 SPIN73 SPIN74

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Serra ataca blogs

Na foto, Serra e o "limpíssimo" Arruda, que ia ser o vice indicado pelos demos, o que não ocorreu por ter sido preso com perda do cargo de governador do DF

"Blogs Sujos"

Serra, porta-voz da velha mídia, vai pra lama

Serra atacou os “blogs sujos“. Disse que eles são sustentados com grana do governo. Passou recibo. A velha mídia já não fala sozinha. E isso incomoda os tucanos e também os donos da velha mídia.

A frase mostra desespero, mas mostra o que virou a campanha de Serra. Abandonado pelos aliados do DEM e do PSDB, em queda nas pesquisas, Serra refugia-se na mídia. O candidato do PSDB virou isso: porta-voz dos interesses da velha mídia. Faz sentido. É quem, em última instância, sustenta a candidatura.

A manchete da “Folha”, em letras garrafais (SERRA PARTE PARA O ATAQUE), é a senha: “. Ou a sanha! Eles têm sanha de golpe. Disso entendem. Apoiaram em 64. O editorial da “Folha” mostra que os Frias querem é sangue, querem pancadaria. Serra, pelo visto, vai embarcar nessa. É alimentado, também, pela mente doentia de certo personagem que controla o jornalismo global.

Os engomadinhos da velha mídia estão com medo. Medo dos blogueiros. No caso de São Paulo, é uma turma que se reúne no glorioso restaurante “Sujinho” em São Paulo. Não são blogueiros sujos, no máximo “sujinhos”.

Sobre a história da grana, seria bom Serra dizer quem está sendo pago com dinheiro público. A “Veja”, por exemplo, deu as páginas amarelas para Arruda (pouco antes do escândalo no DF). Tratou o sujeito como “estadista”. Ele estava sendo preparado para virar vice de Serra. Arruda, por coincidência, havia comprado assinaturas de revistas da Abril, pouco antes. Dinheiro público. Uma mão lava a outra. Nada ilegal, certo? Tudo “limpinho”.

Aliás, uma pergunta singela: qual é a empresa de comunicação que cuida dos sites das campanhas tucanas? A empresa é de jornalistas com contratos no governo do Estado?

Ficamos assim: dinheiro público – em farta publicidade oficial, ou em generosas assinaturas de revistas e jornais encalhados - só para os “limpinhos” das famílias Frias, Marinho, Civita, Sirotsky. Para os “sujos”, pancada.

Esse passa a ser o programa de Serra agora – além dos mutirões para catarata e do fim do Mercosul.

Serra entregou sua campanha para a velha mídia. Hoje foi só o começo. Agora é ladeira abaixo. Os limpinhos vão mostrar (mais uma vez – como em 64, 82, 89 e 2006) como podem ser sujos.

Serra vai junto. Faz sentido: a candidatura já foi para o brejo, agora precisa afundar até o fim!

FONTE: http://www.rodrigovianna.com.br/palavra-minha/serra-porta-voz-da-velha-midia.html

Meu comentário

O que Serra fez foi apenas um desabafo de quem ver que o monopólio da mídia começa a ruir e que, ao contrário do que ocorreu por ocasião da campanha desta mesma imprensa para eleger Collor, agora há espaços para opiniões diferentes, o que incomoda e muito o baronato midiático que, é claro, quer continuar manipulando mentes. E votos.

Nenhum comentário: